UNITAANGOLA
Fonte : KUP
Orçamento de 2019 prevê redução do peso da Dívida.
OGE-18.jpg
O governo angolano estimou ontem que a dívida pública ronda os 70 mil milhões de dólares, garantindo que o programa de estabilização Macroeconómica “vai reduzir o peso da dívida”, prevendo já para o exercício económico de 2019 um orçamento sem défice.

A situação foi relatada pela secretária de Estado para o Orçamento, Aia Eza da Silva, quando apresentava o Quadro Macroeconómico de 2019 e os limites da despesa para elaboração do Orçamento do Estado (OGE) para o próximo ano. Apesar da subida no mercado internacional do preço do “Brent”, índice de referência das exportações do petróleo em Angola, a secretária de Estado do Orçamento pediu “ponderação”, recordando que o país se endividou muito anos.

A secretária de Estado não revelou os valores do próximo Orçamento, mas adiantou que o Programa de Investimentos Públicos (PIP) preliminar para exercício económico de 2019 contempla despesas no valor de um trilião, 85 biliões, 551 milhões 907 mil e 316 kwanzas para projectos nos sectores de Energia e Águas, Transporte, Educação e Saúde.
O valor vai servir para a execução de 2.382 projectos com financiamento garantido, de acordo com a proposta sobre os limites de despesas para a elaboração do OGE 2019, apresentado ontem pela secretária de Estado para o Orçamento, durante a sessão de consulta pública do referido documento.
www.unitaangola.org
C:\Mes Sites\Unitaangola29122013\UNITAANGO_WEB\coqUNITA.jpg
Opiniões
 Publicidade
Obra de Isaías Samakuva
Entrevistas
Facebook Youtube Twitter Contacto
Subscreva Newsletter
Todos os direitos reservados
Secretariado da comunicacão e Marketing da UNITA
União Nacional para Indepedência Total de Angola
©  Copyright 2002-2013
Sabado, 20 de Outubro de 2018